Brasil Beverage Trends 2020

12 o setor de bebidas não alcoólicas BrasilBeverageTrends2020 Refrigerantes e outras bebidas carbonatadas O principal e mais tradicional produto considerado nes- sa categoria é o refrigerante embalado em garrafas ou latas. Existem também os obtidos por meio de sistemas de preparo que utilizam concentrados e cápsulas. Além dos refrigerantes existem vários produtos carbonatados (sucos, néctares e re- frescos gaseificados; bebidas híbridas gaseificadas) que são elaborados com o mesmo conceito de refrescância. Esse último grupo tende a se confundir com outras ca- tegorias nas quais têm surgido novos conceitos de bebidas com a proposta de servir como alternativa aos consumidores que estão deixando o consumo de refrigerantes tradicionais. Então, o critério de classificação para distinção é o grau de carbonatação. Assim, não estão consideradas nessa categoria as bebidas à base de chá, bebidas esportivas e energéticas gaseificadas e águas saborizadas de baixa gaseificação. A Tabela 1.1 apresenta uma descrição dos tipos de bebi- das compreendidas nessa categoria, enquanto que a Figura 1.2 relaciona exemplos de diferentes tipos de produtos. Tabela 1.1 Descrição dos tipos de bebidas da categoria “Refrigerantes e outras bebidas carbonatadas”. Refrigerantes Bebidas gaseificadas com dióxido de carbono (CO 2 ), obtidas pela dissolução em água de suco ou extrato natural, com adição de açúcares ou edulcorantes (adoçantes). Refrigerantes com extrato vegetal Quantidade mínima de extratos adicionada: Guaraná: 0,02% de semente de guaraná; Cola: noz de cola (sem quantidade mínima); Quinino (água tônica): 0,003% – 0,007% de quinino; Framboesa: 0,5%. Refrigerantes com sucos e vegetais Quantidade mínima de sucos adicionada: Laranja 10%; Uva 10%; Tangerina 10%; Maçã 5%; Limão (soda limonada) 2,5%; Abacaxi 10%; Caju 5%; Maracujá 6%; Dois ou mais vegetais: 5% (denominado “refrigerante de fruta”). Concentrados e cápsulas Concentrados (diluição 1:6) e cápsulas para consumo em casa ou fora de casa em máquinas para bebidas não alcoólicas gaseificadas (contabilizadas no volume como bebidas prontas para beber). Fonte: ABIR, 2016. Águas A categoria Águas representa o segundo maior segmento de bebidas não alcoólicas no Brasil e vem crescendo de forma cons- tante nos últimos anos. Além das tradicionais águas minerais e águas engarrafadas puras, as águas têm se estendido para outras categorias, com produtos similares aos refrigerantes de baixa car- bonatação e também às bebidas com proposta de funcionalidade para a saúde, entre as quais as águas de origem vegetal. A Tabela 1.2 apresenta uma descrição dos tipos de bebi- das compreendidas nessa categoria, enquanto a Figura 1.3 relaciona exemplos de diferentes tipos de produtos. Tabela 1.2 Descrição dos tipos de bebidas da categoria “Águas”. Águas minerais Minerais, gaseificadas ou não, não adoçadas, sem adição de sabor; Embalagens diversas, inclusive garrafões de 20 litros. Águas engarrafadas Tratadas ou purificadas, gaseificadas ou não, não adoçadas, sem adição de sabor; Inclui as Sodas: água potável gaseificada com gás carbônico (CO 2 ), com pressão superior a duas atmosferas (quantidade mínima de gás). Águas saborizadas Minerais ou não, gaseificadas ou não, com adição de minerais ou vitaminas, saborizadas pela adição de sucos, essências e substâncias aromatizantes, podendo conter açúcar ou edulcorantes. Águas de origem vegetal Água de coco: bebida obtida pela parte líquida do fruto, não diluída; outras águas de origem vegetal. Fonte: ABIR, 2016. Sucos, Néctares e Refrescos ( still drinks ) A categoria dos Sucos, Néctares e Refrescos obteve im- pulso nas vendas com o aumento do poder aquisitivo dos brasileiros, principalmente em relação aos produtos de maior valor agregado. Existem vários tipos de produtos nessa cate- goria: sucos, néctares, sucos tropicais, refrescos, preparados sólidos e líquidos para refrescos. É comum observar os consu- midores tratando como “sucos” esses diferentes tipos de be- bidas. Lançamentos recentes têm explorado o maior interesse pelos sucos integrais e por bebidas com maior teor de fruta. Outros tipos de bebidas com sabores frutais ou com fru- tas misturadas na composição não são considerados nessa

RkJQdWJsaXNoZXIy MTgxNA==